30 de jul de 2013

Importação de questões múltipla escolha

O método de importação de questões que será apresentado a seguir é funcional apenas para questões de múltipla escolha, com apenas uma alternativa correta. O formato que utilizaremos é chamado Aiken, e as suas vantagens são a facilidade de uso e rapidez na criação de perguntas.
Para começar, crie um arquivo .txt no bloco de notas ou seu editor preferido. A sintaxe utilizada requer que a pergunta seja escrita toda em uma única linha (quebra automática de linha não interfere). Também deve ser retirado o número da questão, se houver.

Certo

Errado

No final da pergunta, passe para a próxima linha e insira as alternativas, uma por linha, antecedidas por A), B), C)... (todas maiúsculas) e com um espaço entre o parênteses e a alternativa.


Após esse passo, em outra linha, digite "ANSWER:" e a alternativa correta. Não se esqueça que também há espaçamento entre os dois pontos e a letra da alternativa, como no exemplo abaixo:


Após isso, salve num lugar de preferência no formato .txt, e vá para seu questionário no Moodle. No bloco de configurações, selecione "Banco de questões" e "Importação".



Na página que abrir, selecione o formato Aiken, e a categoria "Padrão para (nome do questionário)". Depois arraste e solte o arquivo na caixa de seleção e clique em "Importar".


Nessa página você poderá revisar as questões que foram inseridas e se não houver nenhum erro, as perguntas serão importadas.


Quando for adicionar mais de uma pergunta por arquivo, deve haver uma linha de espaço entre uma questão e outra.

29 de jul de 2013

Cadastro de usuários via planilha

O cadastro manual de usuários pode se tornar um desafio de acordo com a quantidade de inscrições. Para facilitar e agilizar esse processo, é possível gerar um arquivo CSV (separado por vírgulas) que ao ser importado para a plataforma fará automaticamente o cadastro dos usuários com base nos dados que você inserir.
Para começar, abra uma tabela em branco no Excel, e crie as seguintes células padrão:


Depois, basta preencher com os dados dos usuários que deseja cadastrar, colocando na ordem: Nome de Usuário, Senha, Nome, Sobrenome, E-mail, Cidade e o nome do curso que quer inscrevê-lo (não é obrigatório).


Caso queira preencher um campo de perfil personalizado, utilize a sintaxe profile_field_(nome breve do campo). Lembre-se de que isso não funcionará para campos de caixa de seleção.
Quando terminar de inserir os dados, salve o arquivo no formato CSV (separado por vírgulas).


Após isso, em seu moodle, vá em Administração do Site > Usuários > Contas > Carregar lista de usuários.


Agora basta arrastar a planilha até a área de arquivos e clicar em carregar a lista de usuários assim que o arquivo for identificado.


Nessa nova tela, você pode revisar os usuários e alterar algumas configurações. Quando terminar as alterações, clique novamente em "Carregar lista de usuários".


Dessa forma, sua lista de alunos será carregada e os cadastros serão efetuados.

4 de jul de 2013

Entenda, o que é Moodle?

Verifique a apresentação e poste dúvidas, ideias ou frustações que já tiveram com o Moodle.

O que configurar após instalar o meu moodle?

Hoje inicio uma série de explicações sobre o que devemos nos preocupar após realizar a instalação do Moodle. Vamos começar pela Autenticação dos usuários.
Quando realizamos o login de um usuário no Moodle, ele usa um método de autenticação que deve ser configurado após a instalação. Vou mostrar aqui os métodos mais utilizados, mas, se você precisar configurar outro tipo de autenticação, poste a sua dúvida com um comentário.
Devemos realizar o login como Administrador do Moodle, pois esse é o usuário que terá permissão para realizar todas as configurações do sistema. Só para lembrar, o usuário administrador é aquele que foi escolhido após o término da instalação.
Após fazer o login, você verá um bloco com o nome de Administração. Nesse bloco vamos seguir o caminho mostrado na imagem abaixo:
Após clicar em “Gerenciar Autenticação” veremos uma tela com vários tipos se autenticação como vemos na imagem:
Por padrão o Moodle vem com as opções Contas Manuais e Nenhum Login já previamente configuradas. Esses métodos têm o seguinte significado:
Contas manuais: Esse método impede que os usuários façam o seu próprio cadastro, obrigando o administrador a cadastrá-los manualmente.
Nenhum login: Esse método impossibilita o usuário de logar no seu sistema.
Um dos métodos de autenticação mais usados é a Autenticação via correio eletrônico. Nesse método, após o usuário fazer a sua inscrição no Moodle, um e-mail é enviado para que ele autentique sua conta clicando em um link que fará a confirmação automaticamente. Para fazer a habilitação do cadastramento dos usuários devemos habilitar o autoregistro dos usuários como no exemplo abaixo:
Fazendo essa habilitação deverá aparecer o seguinte botão na sua tela de login .
Ao clicar nesse botão, o usuário irá fazer o seu cadastro e, em seguida, receberá um e-mail para fazer a confirmação dos seus dados.
Outro método usado é o Use um banco de dados externo, que permite que o Moodle busque esses usuários em outra base de dados que pode ser, por exemplo, um sistema acadêmico usado em sua instituição.
Se você irá usar esse Moodle internamente em sua instituição, você poderá fazer a autenticação Use um servidor LDAP, na qual os usuários poderão se logar com o mesmo usuário da rede local.
Existem métodos de autenticação que podem ser adicionados ao seu Moodle:
* métodos úteis como WebService; e
* métodos curiosos como se autenticar usando a conta do gmail.
Concluindo, a decisão da autenticação a ser utilizada tem de ser bem definida no início para que seus usuários sejam configurados corretamente em seu Moodle.

Criando categorias no moodle

Os cursos no moodle devem ser bem estruturados, às vezes nos preocupamos somente com a estrutura interna e acabamos mantendo vários cursos de diferentes categorias misturados, para o aluno pode não ser complicado, pois ele só verá os cursos que estão matriculados, mas para o administrador e até mesmo para o professor que leciona matérias diferentes, a página inicial acaba ficando muito confusa.
Para isso podemos estruturar nossos cursos em categorias seguindo as seguintes etapas.
1º Clicar em Cursos > Acrescentar e modificar cursos como figura abaixo:
Nesta tela poderemos criar um curso diretamente ou criar categorias e subcategorias clicando no botão “Acrescentar uma nova categoria”.
2º Clique em “Acrescentar uma nova categoria” em seguida você terá que dar um nome para ela e também pode colocar uma descrição que pode te ajudar quando tiver várias categorias.
Em seguida clique no botão “Create category” como podem ver a tradução do moodle ainda tem falhas e a cada versão nova lançada precisa do apoio da comunidade, então podemos ajudar, se você conhece alguém ou esta interessado em ajudar poste o seu comentário que mostrarei o caminho por onde podemos começar.
Voltando as categorias são bem fáceis de criar, assim teremos nossos cursos organizados facilitando a administração e a visualização.

Mais configurações para o seu Moodle

Hoje vou responder a mais duas questões de configurações, rápidas, mas muito importantes para o Moodle.
1º Como ter uma página inicial de login?
Se você deseja que os alunos vejam uma página de login antes de visualizarem os cursos, então deve marcar a opção que irá forçar o usuário a se logar. Essa opção está no seguinte caminho do bloco administração.

Após clicar em “Políticas do site” você deverá marcar a opção de ”forçar usuários a logar”. Assim a primeira página do seu moodle será a tela de login que pode ser alterada de acordo com sua preferência na pasta login do Moodle.
2º Devo deixar o acesso a visitantes liberado?
O acesso a visitantes é muito importe, pois você deixa uma porta de entrada para a sua plataforma podendo fazer um curso gratuito ou até de demonstração do seu curso pago, por padrão essa configuração já vem habilitada no moodle, mas se você deseja desabilitar basta seguir o seguinte caminho no bloco administração:
Após clicar em “Gerenciar autenticação” basta escolher a opção ocultar como mostra na figura abaixo.
Assim somente pessoas que possuem login poderão ter acesso ao seu Moodle.
Nossa próxima etapa é a construção de cursos e atividades. Espero vocês.

O que configurar após instalar o meu moodle?

Hoje inicio uma série de explicações sobre o que devemos nos preocupar após realizar a instalação do Moodle. Vamos começar pela Autenticação dos usuários.
Quando realizamos o login de um usuário no Moodle, ele usa um método de autenticação que deve ser configurado após a instalação. Vou mostrar aqui os métodos mais utilizados, mas, se você precisar configurar outro tipo de autenticação, poste a sua dúvida com um comentário.
Devemos realizar o login como Administrador do Moodle, pois esse é o usuário que terá permissão para realizar todas as configurações do sistema. Só para lembrar, o usuário administrador é aquele que foi escolhido após o término da instalação.
Após fazer o login, você verá um bloco com o nome de Administração. Nesse bloco vamos seguir o caminho mostrado na imagem abaixo:
Após clicar em “Gerenciar Autenticação” veremos uma tela com vários tipos se autenticação como vemos na imagem:
Por padrão o Moodle vem com as opções Contas Manuais e Nenhum Login já previamente configuradas. Esses métodos têm o seguinte significado:
Contas manuais: Esse método impede que os usuários façam o seu próprio cadastro, obrigando o administrador a cadastrá-los manualmente.
Nenhum login: Esse método impossibilita o usuário de logar no seu sistema.
Um dos métodos de autenticação mais usados é a Autenticação via correio eletrônico. Nesse método, após o usuário fazer a sua inscrição no Moodle, um e-mail é enviado para que ele autentique sua conta clicando em um link que fará a confirmação automaticamente. Para fazer a habilitação do cadastramento dos usuários devemos habilitar o autoregistro dos usuários como no exemplo abaixo:
Fazendo essa habilitação deverá aparecer o seguinte botão na sua tela de login .
Ao clicar nesse botão, o usuário irá fazer o seu cadastro e, em seguida, receberá um e-mail para fazer a confirmação dos seus dados.
Outro método usado é o Use um banco de dados externo, que permite que o Moodle busque esses usuários em outra base de dados que pode ser, por exemplo, um sistema acadêmico usado em sua instituição.
Se você irá usar esse Moodle internamente em sua instituição, você poderá fazer a autenticação Use um servidor LDAP, na qual os usuários poderão se logar com o mesmo usuário da rede local.
Existem métodos de autenticação que podem ser adicionados ao seu Moodle:
* métodos úteis como WebService; e
* métodos curiosos como se autenticar usando a conta do gmail.
Concluindo, a decisão da autenticação a ser utilizada tem de ser bem definida no início para que seus usuários sejam configurados corretamente em seu Moodle.

Tipos de Funções no Moodle

Antes de explicar a criação de cursos, vou falar dos tipos de funções que vem como padrão no moodle e como podemos alterar ou criar novas delas.
Para visualizar as funções entre em seu moodle com a senha de administrador e siga os seguintes passos.


Ao clicar em Definir Funções aparecerá a seguinte tela:


A própria descrição já especifica o que cada função pode fazer em seu site, as mais usadas são as de “Tutor e Estudante”, que vamos aprender a usar após a criação do curso.
Se por ventura você necessitar que um tutor possa fazer cadastro de alunos ou até visualizar outra função que não é permitida a ele, você pode clicar no botão Editar e fazer a alteração. Mas tome cuidado, modificar as funções deve ser usado com moderação, se serão grandes as alterações, crie um perfil totalmente exclusivo clicando no botão como mostra a ilustração abaixo:


Em seguida de um nome, um nome breve e uma descrição para a sua função. Você pode herdar funções já habilitadas em outro perfil clicando em “Tipo de função herdada” e logo abaixo você pode atribuir ou não uma permissão para a sua função.


Depois de configurar todas as permissões clique no botão “Acrescentar uma nova função”, essa função aparecerá em todos os seus cursos e você poderá adicionar usuários para ela.

Designando Funções dentro do Curso

Olá espero que tenham gostado da primeira aula sobre criação de cursos, hoje vou dar continuidade a este tema iniciando por Designar Funções dentro do curso.
Figura 1: Designar Funções
Vocês podem ver que nesta tela acima aparecem os tipos de Funções que já aprendemos a configurar no tópico do Blog com o nome “Tipos de Funções no Moodle”, para colocar, por exemplo, um Tutor clique em cima dessa função que teremos a tela abaixo:
Figura 2: Definindo Função de Tutor
Perceba que a caixa do lado direito traz quantos usuários temos disponíveis na plataforma para transformá-los em tutores, para fazer isso basta clicar em cima do nome do usuário e clicar no botão “Acrescentar”. A mesma coisa pode fazer com os Estudantes, basta alterar a função no campo abaixo:
Figura 3: Mudando Função
Você pode também voltar para ver todas as funções clicando no botão “Designar funções em Curso: Curso” que aparecerá a tela representada na Figura 1.
Se tiver muitos usuários para escolher você pode usar a busca representada no campo abaixo:
Figura 4: Buscando usuários
Para usá-la basta escrever o nome do usuário e clicar no botão “Buscar”, depois clique em cima  do nome dele na caixa do lado direito e clique no botão “Acrescentar” e se por acaso você colocar um usuário indevidamente em alguma função basta selecioná-lo e clique no botão “Remover”.
Como vimos é bem fácil designar função dentro do curso, essa foi uma maneira manual de coloca-los dentro do curso, se você deseja conhecer as outras maneiras como via banco de dados externo ou via planilha do Excel poste no nosso fórum, que é bem fácil de fazer o cadastro é só seguir o que diz o nosso tópico “Aprendendo e Discutindo” espero por vocês.

Criando Fóruns no Moodle

Olá Pessoal achei esse material sobre fóruns no Moodle, ele é bem completo e pode ajudar a todos
Se você quiser ver alguns fóruns funcionando acessehttp://www.vamosdominaromoodle.com.br/moodle/ e faça o seu cadastro gratuitamente.

Inserir vídeo em um Bloco

Olá pessoal como prometido no ultimo post hoje vou ensinar como podemos colocar um vídeo dentro de um bloco e no próximo post ensinarei como podemos achar blocos que podem ser úteis que estão disponíveis para download na comunidade moodle.org.
1º Colocando vídeo em um bloco
Para realizar esta operação na página inicial do moodle, você terá que ter perfil de administrador, para inserir no curso você poderá fazer com o perfil de tutor. O Exemplo que darei aqui será dentro no curso.
Segue os passos:
a)      Primeiro clique no botão ativar edição no bloco administração como segue a figura abaixo:
b)      Em seguida vá até o Bloco “Blocos” e clique em acrescentar:
c)       Escolha a opção “HTML”, deverá aparecer um Bloco como a figura abaixo, clique em Configuração para configurá-lo:
d)      Agora vamos colocar um Título para o nosso Bloco e depois vamos inserir o conteúdo passando o HTML para o código fonte como mostra a figura:
e)      Agora você deve ira até o Youtube e pegar o endereço embed como do vídeo, copiando ele você deverá inserir dentro do espaço para conteúdo e diminuir a altura e a largura para 200 pixels para que o vídeo fique corretamente no espaço no bloco, como segue abaixo:
f)       Depois de feito a alteração clique no botão “Salvar Mudanças” que o resultado será o seguinte:
Segue a dica esse procedimento pode ser usado no moodle dentro de um rótulo, de um fórum, de uma atividade, de um questionário, ou seja, em qualquer atividade que tiver um editor HTML.
Se você quiser ver o bloco funcionando acesse http://www.vamosdominaromoodle.com.br/moodle/ e faça o seu cadastro gratuitamente.

Temas para Moodle

O Moodle já tem vários temas gratuitos que você pode encontrar aqui.
Fique de olho na versão requerida do Moodle e faça o download. Para instalar basta colocar a pasta descompactada dentro do diretório theme do seu moodle.

Criando um Questionário no Moodle

Essa atividade é muita usada para criar avaliações para seus cursos, hoje vou mostrar passo a passo como criar uma avaliação com questões de tipos diferentes.
Para criar esta atividade você deverá ter um curso criado e estar logado com um dos seguintes perfis: Administrador, Tutor ou Autor de Curso.
Seguem os passos:
1)    Clicar no botão ativar edição como segue a figura:
2)    Clicar no Menu “Acrescentar atividade” e selecionar a opção“Questionário”.
3)    Primeiro colocamos um Nome e uma Introdução para esse questionário como segue imagem:
4)    Abrir e Encerrar o questionário: Aqui configuramos as datas para Abrir e Encerrar um questionário, para habilitar essas opções clique na opção Desabilitar e escolha as datas.   
Limite de tempo: Se o seu questionário terá limites de tempo, ativando este campo basta colocar a quantidade de minutos que o seu aluno terá para respondê-lo.
Intervalo entre a primeira e a segunda tentativa: Se o seu questionário terá mais de uma tentativa é neste campo que você deverá colocar um tempo para o aluno esperar para realizar a segunda.
Intervalo entre a segunda e outras tentativas: Se o seu questionário terá mais de duas tentativas é neste campo que você deverá colocar um tempo para o aluno esperar para realizar a terceira e as próximas.
5)  Questões por página: Aqui definimos a quantidade de questões que teremos por páginas, se a opção estiver como“Ilimitado”  apareceram todas na mesma página, se você tiver muitas questões essa opção pode dificultar a visualização por parte dos alunos.
Misturar as perguntas: Essa opção muda a ordem de apresentação das perguntas. 
Misturar entre as questões: Essa opção muda a disposição das respostas, utilizada para questões de Múltipla Escolha e Associação.
  
6)    Tentativas permitidas: É neste campo que definimos quantas tentativas o aluno poderá fazer a mesma avaliação.
Cada tentativa se baseia na última: Se for escolhido no campo acima mais de uma tentativa, escolhendo aqui a opção “Sim”, cada vez que o aluno começar uma nova tentativa ele verá as questões igual a da primeira. Isso permite que o questionário seja completado após várias tentativas.
Modo Adaptativo: Deixando essa opção marcada como “Sim” o aluno poderá responder uma questão por vez através de um botão enviar que aparecer ao lado de cada questão.
7)    Método de Avaliação: Quando são permitidas diversas tentativas temos que pensar nos modos de avaliação da nota final, esses modos são:
Nota mais alta: A nota final é a nota mais alta obtida nas diversas tentativas.
Média dos resultados: A nota final é a média entre as notas de todas as tentativas.
Primeira nota: Apenas os resultados da primeira tentativa são considerados.
Última nota: Apenas o resultado da última tentativa é considerado..
Aplicar penalidades: Aqui podemos decidir se haverá penalidade entre uma tentativa ou outra o valor da penalidade será definido na criação da questão.
Números decimais nas notas: Número de casas decimais que será mostrado na apresentação da nota após cada tentativa.
8)    Opções de revisão: Estas opções controlam quais informações os usuários podem ver quando eles revisam uma tentativa de resposta do questionário ou verifica os relatórios do questionário.
Imediatamente após a tentativa: Significa dentro de dois minutos após a tentativa ser encerrada pelo usuário clicando ‘Enviar tudo e terminar’.
Mais tarde enquanto o questionário ainda está aberto: Significa depois deste momento, e antes da data de fechamento do questionário.
Depois do fechamento do questionário: Significa após a data de fechamento do questionário ter passado. Se o questionário não tiver uma data de fechamento este evento nunca ocorrerá.
   
9)    Feedback geral: é um texto mostrado para o estudante depois que ele terminou uma tentativa. O texto que é mostrado pode depender da nota que o estudante obteve.
10)    Após fazer todas as configurações devemos salvá-las.
Como podem ver esse post ficou muito grande então colocarei a criação das questões na parte 2 deste assunto. Se você quizer ver vários fóruns funcionando basta fazer o seu cadastro Aqui.
Obrigada :)

Criando questões no Moodle

Olá pessoal vamos continuar o tema do ultimo post, aprendendo a criar questões dentro do módulo questionário. Primeiro gostaria de explicar a funcionalidade dos tipos mais usados de questões, segue abaixo:
Múltipla Escolha: Este tipo de questão serve para o aluno escolher várias ou uma resposta correta.
Resposta Breve: Neste tipo o aluno deverá digitar uma palavra como resposta.
Verdadeiro ou Falso: O Aluno deverá escolher sobre a pergunta proposta, se a resposta é verdadeira ou falsa.

Questão de Associação:
 Em uma quantidade de perguntas e respostas o aluno ira associar à resposta a pergunta correta.
Descrição: O aluno deverá colocar um texto descritivo para responder a este tipo de questão.
Agora começamos o passo a passo para a criação de nossas questões:
1)    Clique sobre questionário, se você não tem ou não sabe como criar um questionário veja o ultimo post que irá te ajudar. Após clicar iremos ver a seguinte tela:
2)    Você pode observar na figura acima aonde esta escrito “Criar nova pergunta” ao clicar na seta ao lado da palavra “Escolher” irá aparecer todos os tipos de pergunta que o questionário comporta como segue a figura abaixo:

3)    Vamos escolher o  tipo de Múltipla escolha, fazendo isso o Moodle irá abrir uma nova tela  que iremos conhecer por partes.
4)    Categoria: O Moodle traz por padrão uma categoria com o nome do seu curso, se você preferir poderá criar novas categorias clicando em “Categorias” na tela ilustrada pela figura do item um.
        Nome da Pergunta: Aqui devemos colocar um nome breve para a pergunta.
        Texto da Pergunta: É aqui que colocamos a pergunta que o aluno deverá responder.
5)    Uma ou múltiplas respostas: Aqui que iremos escolher se esta questões terá uma ou várias respostas corretas.
       Misturar as opções: Se você setar esta opção como “Sim”, então a ordem das respostas será misturada aleatoriamente toda vez que um estudante iniciar uma tentativa no questionário contendo esta pergunta – contanto que “Misturar entre as questões” na configuração do Questionário esteja como “Sim”.
       Numerar as escolhas: É o tipo de numeração que você deseja para as respostas, também pode deixar sem nenhum tipo delas.
6)    Agora vamos criar as respostas, o questionário vem por padrão com 5 campos de respostas que são chamados de “Escolha”, caso necessite de mais campos basta clicar no botão “Espaços em branco para 3 mais questões”. Como podemos ver abaixo já coloquei logo a “Escolha 1” como questão correta, por isso o campo nota esta com 100%, se tivesse mais questões corretas basta colocar a porcentagem dividida para cada resposta.
7)    Após colocar todas as respostas clique no botão “Salvar Mudanças”. Assim você pode repetir os passos acima e criar todo o seu banco de questões e para adicioná-las ao seu questionário é só selecionar a questão e clicar no botão “Acrescentar ao questionário” como segue a figura abaixo:
8)    Para você ver como ficou o questionário depois de pronto basta clicar noa aba “Vsualização prévia ” como segue abaixo:
Se você quiser ver este questionário funcionando faça o seu cadastro clicandoaqui.
Obrigada :)